Já falamos sobre os incríveis lugares no Brasil que são perfeitos para observar as estrelas. Mas se você quer se aventurar por outros lugares do mundo e tem essa oportunidade…te daremos o caminho das pedras (ou das estrelas?) para você fazer da sua viagem internacional ainda mais especial com a observação do céu noturno!

Se o seu perfil é mais aventureiro e ama se conectar com a natureza e seus mistérios, lendas e formações geológicas ao longo do tempo…uma viagem ao deserto para observar as estrelas pode ser seu destino ideal, além de inesquecível.

Separamos alguns dos desertos mais bonitos ao redor do mundo para você se empolgar e mergulhar em uma viagem única!

Chile – Deserto do Atacama

imagem de camping no meio do deserto do atacama, sob milhares de estrelasdeserto do Atacama é o mais árido do mundo! Praticamente perfeito em qualquer época do ano para observar as estrelas, é uma questão de princípios ir para lá e fazer um tour astronômico, que pode ser reservado nas agências locais. Desde os mais místicos até os mais “técnicos” (como os focado em fotografia do céu noturno), temos certeza que se pesquisar e se planejar, fará um passeio inesquecível. Mas é importante se programar: em noites de lua cheia nem sempre fazem o passeio por conta da luminosidade (que prejudica a observação) e também contam com as condições do céu, muitas vezes cancelando e reagendando o passeio. O ideal é observar o calendário lunar antes de ir e não deixar para os últimos dias!

Também é lá que está o Atacama Large Millimeter Array (ALMA), a maior rede de telescópios do mundo. Com 66 antenas a mais de 5.000 metros de altitude, é referência no mundo todo para observação de estrelas e captar detalhes absurdamente precisos e pequenos porque capta ondas luminosas milimétricas. Para visitar o local você deve reservar com antecedência de vários meses (porque são poucas e concorridas vagas!), por aqui. (link em inglês e espanhol)

Leia também: “12 curiosidades e tudo o que você precisa saber sobre as estrelas

Marrocos – Deserto do Saara

Impossível falar sobre desertos sem mencionar o monstruoso deserto do Saara, que ocupa cerca de 10% de todo o continente africano (!!) é o mais quente do mundo e perfeito para ver as estrelas nas condições climáticas ideias. Isso por ser afastado da civilização e da poluição luminosa e contar com lugares bem inóspitos! Mas se você acha que só os nativos conseguem observar as estrelas lá, está bem enganado…você consegue contratar uma agência marroquina (a dica é a Sahara Desert Crew – link em inglês e espanhol) e dormir no deserto de modo mais simples até o mais luxuoso, dependendo é claro da sua motivação e orçamento. Os passeios podem ser feitos de carro ou dromedários (vamos de carro pra não maltratar os bichinhos né?) e normalmente são instalados em tendas que ficam em vales para se proteger do vento “cruel” que sopra à noite. Quer experiência de observar o céu estrelado mais fantástica que essa?

imagem da via lactea atras das dunas do saara

Continente africano – Deserto do Namibe

Do sul da Angola ao norte da Namíbia, o deserto do Namibe provavelmente é o mais antigo da Terra, com 80 milhões de anos e suas dunas avermelhadas, características da oxidação de ferro ao longo dos anos. Suas reservas naturais são preservadas usando somente luzes vermelhas de baixa intensidade, o que ajuda a torná-lo um dos locais “mais escuros do mundo” à noite, ideal para ver as estrelas. Com suas dunas que podem chegar a 300m de altitude é conhecido por sua visão 360° do céu estrelado (“Namib” significa “espaço aberto” na língua Nama). É possível alugar um lodge (abrigo para estadias curtas), por exemplo, e ficar isolado de tudo e todos para poder contemplar as estrelas e outras belezas do deserto da Namíbia.

Austrália – Outback

imagem_de_uluru_na_australia_sob_o_por_do_sol_30Se você já pensou em comida, esqueça suas lombrigas: o Outback australiano nada mais é do que um deserto que se estende desde o leste até o oeste do país e tem como parte da aventura muito calor devido à aridez e também a possibilidade de se deparar com alguns bichos bem exóticos: como aranhas tamanho família ou as cobras mais venenosas do mundo. Por isso é recomendado ir com guias e agências de turismo, mas não se engane: a viagem vale totalmente à pena, apesar de não ser tão barata. Observar as estrelas na região do Outback é simplesmente fascinante, sendo possível ver a via láctea bem nitidamente. Nas lagoas de sal as estrelas ficam refletidas no solo, criando um espelho maravilhoso e um cenário de tirar o fôlego. Uma opção de passeio guiado é de Alice Springs a Uluru (link em inglês e espanhol), conhecendo marcos naturais, experiências de grupo em cooperação, aprender sobre os aborígenes indígenas e claro, dormir sob as estrelas em um passeio bem roots, mas interessantíssimo.

Leia também: “O misticismo das estrelas e constelações na História

Estados Unidos – Deserto de Mojave e Death Valley National Park

deserto do Mojave é o deserto mais seco da América do Norte. A paisagem ali é fascinante e abriga o Death Valley National Park (ou Parque Nacional Vale da Morte), que fica somente a duas horas de Las Vegas e abriga (surpreendentemente) um dos céus mais escuros do país. Com muitos e muitos hectares e cenários montanhosos, ali é cenário para eventos constantes de astronomia e passeios frequentes organizados pelos funcionários do parque até a Badwater Basin para observar as estrelas e os astros. Vale muito a pena esticar sua viagem para lá (afinal não é tão distante das grandes cidades) e aqui você encontra algumas dicas bem bacanas.

Gostou desse post?

Os desertos nos deixam de boca aberta com suas paisagens estonteantes e a vida que sobrevive ali, mesmo em meio às dificuldades impostas. Se gosta desse tipo de viagem e ama observar as estrelas em sua quase que totalidade, temos certeza que registrar um momento especial da sua vida ou mesmo uma viagem dessas em que teve o privilégio de ver as estrelas, que só cerca de 60% de toda a população mundial pode ter…seria muito significativo. Confira nossos quadros e pôsteres do seu mapa das estrelas e veja como transformar uma data especial em um presente único e que vai deixar um lar mais lindo e cheio de memórias. Afinal viajar é alimentar a alma e nos traz sensações que nunca mais podemos esquecer. Conte com a gente para guardar com carinho suas lembranças não só no coração, mas também em um lugar que pode ver sempre e voltar àqueles momentos. ?

Já falamos aqui sobre as estrelas, constelações dos signos e o encantamento que elas provocam em nós. Base para diversas teorias e crenças ao longo da História da humanidade, olhar para o céu e as estrelas pode ser fonte de estudo, curiosidade ou simplesmente fascinação com o misterioso universo o qual habitamos e muito desconhecemos.

Porém vivendo em cidades populosas, nem sempre conseguimos enxergar uma ou outra estrela…quanto mais milhares delas!

Observação do céu noturno depende muito de fatores climáticos da região no momento, mas quanto maior a altitude (já que o ar rarefeito impede a formação de nuvens) e a escuridão do lugar, combinado ao ar seco, baixíssima poluição e fase da lua (a Lua Nova é dita como a melhor)…maior o sucesso e a admiração que os astros vão causar.

Ama astronomia ou simplesmente gostaria de um momento especial observando as estrelas com seu amor em uma viagem romântica e cheia de significados? ?
Trazemos para você os 14 melhores lugares no Brasil para fugir da claridade e poluição e fazer AQUELA observação do céu estrelado.

Observação do céu noturno perto de São Paulo

Pode parecer improvável poder ver as estrelas próximo à cidade de São Paulo, mas especialistas afirmam que a partir de 50km das grandes cidades já é possível a aparição de constelações e estrelas. Selecionamos alguns lugares:

Cunha

imagem do lavandário de cunhaA cidade é perfeita para aquele programinha a dois com suas pousadas charmosas, clima friozinho e paisagens lindas. A altitude média é de 1.100m e ali você encontra a Pedra da Macela, com 1.840m de altitude e uma visão deslumbrante. À noite é possível acampar e olhar as estrelas “bem de pertinho”. Lindo de se ver!

São Francisco Xavier

Outro destino montanhoso de São Paulo é a charmosa e pacata São Francisco Xavier, área de proteção ambiental cercada de natureza e à 720m de altitude. Seja nas pousadas ou em um passeio noturno programado para observação da luaestrelas e nebulosas, a cidade vale muito a pena e encanta por seu céu repleto de estrelas e misticismo em uma noite sem nuvens.

Santo Antônio do Pinhal

Localizada na Serra da MantiqueiraSanto Antônio do Pinhal tem 1.080m de altitude e nela encontramos o Pico Agudo, a 1.634m de altitude e que proporciona uma visão panorâmica estonteante durante o dia. Vale a pena procurar um lugar mais afastado das residências e centro e observar o céu, que se cobre de estrelas. Reserve uma pousada aconchegante, saia para observar as estrelas à noite e curta este momento!

Atibaia

Pertinho da capital, Atibaia está a 803m de altitude e conta com uma bela vista para observar o céu estrelado a partir do cume da famosa Pedra Grande (1.418m de altitude). Se informe sobre as trilhas e aproveite a vista!

Contemplar o céu estrelado no Rio de Janeiro

O estado que abriga a cidade maravilhosa e todo seu fervor também tem espaço para a tranquila observação da natureza e das estrelas. Confira:

Nova Friburgo

imagem das montanhas de nova friburgoListada pelo Observatório Nacional como uma das melhores cidades para observar as estrelasNova Friburgo é afastada dos grandes centros e têm pouca luminosidade e poluição atmosférica, o que facilita a observação. A cidade também é montanhosa e conta com atrações em meio à natureza – inclusive o Parque Estadual dos Três Picos. Uma hora de caminhada leva ao Vale dos Deuses e à área de acampamento para você que gosta de levar sua barraca e assim curtir o brilho das estrelas. Dali é possível seguir com um guia ao Pico Menor (2260m) e ao Pico Médio (2280 metros) em uma caminhada bem puxada.

Pico Maior, com 2.316m é considerada a maior montanha da Serra do Mar e só é possível acessar por escalada.

Visconde de Mauá

Com muitas cachoeiras e paisagens bucólicasVisconde de Mauá fica em uma área de preservação ambiental da Serra da Mantiqueira, a 1.200 metros. Vale a pena se aventurar durante o dia por entre as trilhas que ladeiam rios e piscinas naturais e à noite parar para observar o céu de algum lugar tranquilo.

Parque Nacional de Itatiaia

Também localizado na Serra da Mantiqueira, com altitude variando entre 600 e 2.791m, o Parque Nacional de Itatiaia é uma área de conservação que tem seu ponto culminante no Pico das Agulhas Negras – o 5° mais alto do Brasil e o mais alto do Rio de Janeiro. Na parte baixa do parque é possível fazer uma trilha de quase 4h e 6km para chegar ao Três Picos e seus 1.662m de altitude. Para voltar são mais 6km, mas vale a pena ver dali um pôr do sol inesquecível e as estrelas surgindo no céu.

Ver as estrelas em Minas Gerais

Nem só de queijo e gostosuras vive o homem! Minas tem milhares de encantos, e um deles é o clima e as paisagens perfeitas para observar o céu noturno.

Monte Verde

Já foi para Monte Verde com seu amor? A cidade, além de ser uma cidade romântica e cheia de gastronomia incrível, também reserva prazeres astronômicos. A 1.555m de altitude e com clima frio e seco, proporciona todo um clima romântico que pode ser bem desfrutado em meio às inúmeras estrelas (inclusive cadentes!) que aparecem nas noites de céu “limpo”.

Itabira

Cidade natal do maravilhoso Carlos Drummond de Andrade, um dos maiores escritores brasileiros de todos os tempos, Itabira abriga espaço para observar os astros maravilhosamente a noite. Com 795m de altitude, montanhas e natureza propícia também para a prática de trilhas, foi também designada pelo Observatório Nacional como um dos melhores pontos para observá-los. Será que foram as estrelas do local que inspiraram Drummond a fazer lindas frases e poemas de amor?

Alto Caparaó

imagem de noite estrelada em minas gerais por Vitor FernandesEeeeita lugar bonito! Com uma vista incrível dos seus 997m de altura, Alto Caparaó é um município que vale a pena visitar. É lá que está o terceiro maior pico do Brasil, o Pico da Bandeira (2.892m) e para quem é bem aventureiro uma noite ali é de tirar o fôlego de tão maravilhosa. Você também pode se hospedar em uma das diversas pousadas da região, que apesar de ter poucos habitantes é um prato cheio para uma viagem romântica.

São Tomé das Letras

Cheia de energia, São Tomé das Letras esconde em seu misticismo mais que histórias de aparições de óvnis. A vila está a 1.318m de altitude e à noite por entre as nuvens é possível distinguir galáxias e apreciar as estrelas – fato esse que fez com que diversos estabelecimentos usassem a palavra “estrelas” para atrair o público. Se você gosta de um clima de mistério e aprecia os astros, São Tomé e seu jeitinho bucólico podem te surpreender.

Observação das estrelas em Goiás

O estado de Goiás surpreende quando o assunto é observação de estrelas. Também, pudera! É lá que encontramos a Chapada dos Veadeiros, atualmente destino turístico em alta, já que encanta os mais diversos gostos. Confira!

imagem do céu estrelado na chapada dos veadeiros por marcio cabralAlto Paraíso de Goiás

Tombado como Patrimônio da Humanidade pela UnescoAlto Paraíso de Goiás é um lugar maravilhoso com mais de 100 cachoeirascânions e rios de água cristalina. Quer relaxar? Esse é o lugar! Quer se aventurar? Também é! Com sua altitude de 1.232m e com seu pico mais alto de 1.691m, observar as estrelas à noite em Alto Paraíso é uma dádiva e também uma aventura, pois a trilha noturna conta com o som dos animais da região – incluindo os três tipos de onça brasileira (suçuarana, preta e pintada!) rs

Cavalcante

Também no complexo da Chapada dos VeadeirosCavalcante é destino muito procurado por turistas. Ali se encontra a cachoeira Santa Bárbara, eleita como uma das mais lindas do Brasil. Também está ali a comunidade dos Kalungas, com cerca de 4.000 famílias descendentes de africanos que vieram trabalhar nas minas de MG e que mantém toda a tradição histórica dos quilombos. Uau! Portanto além de suas maravilhas naturais, Cavalcante também é um passeio através da História e um presente para quem quer observar um céu repletíssimo de estrelas à noite.

Observação de estrelas na Bahia

E como não falar desse estado que além de ter praias maravilhosas, também abriga a Chapada da Diamantina?

imagem céu estrelado chapada diamantina por bruno nonogakiLençóis

Talvez o município com mais infraestrutura dentro da Chapada, Lençóis tem diversas opções de estadia, desde as mais simples até as mais luxuosas. Ali você encontra restaurantes, bares e uma cidade bonita e colorida. Também saem passeios para o famoso Morro Pai Inácio, os lindíssimos Poço Encantado e Poço Azul entre outras dezenas de atrações naturais. Também é possível se informar sobre o melhor lugar para ver as estrelas, seja em Lençóis ou em Vale do Capão (considerado um destino mais hippie). Certeza que lugares maravilhosos não vão faltar em meio à esse paraíso no coração da Bahia, onde observar as estrelas é além de incrível, uma dádiva!

Observatórios e planetários

Se quiser ir mais profundo na observação dos astros, diversas cidades brasileiras contam com observatórios e planetários que você pode conferir aqui e encaixar na sua viagem! ?

E aí, se animou? Seja você aventureiro ou não, com certeza esses lugares vão te encantar – e muito – e fazer da sua viagem inesquecível, tanto nas fotos quanto na memória. E aí nada mais justo do que registrar o momento que seu coração parou vendo a imensidão do universo através das estrelas, seja numa viagem romântica com seu namorado ou viagem de casamento, por exemplo. Inspirados no céu e em momentos como esse, criamos o quadro que deixa registrado a posição das estrelas do dia e momento – para você olhar e sempre ter a sensação que a viagem te trouxe, além de agradecer sempre! Veja como criar seu quadro (maravilhoso como essas paisagens!) aqui.

**Importante: antes de se aventurar por trilhas noturnas procure orientação de guias da região!